sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Saga Beleza Natural - Parte I

Uma história de amor nasceu há mais ou menos 3 anos atrás... uma história linda de descobrimento e de aceitação,originalidade e conforto.

É como eu sonhava baby. Sou feliz agora.

É pessoal, essa história linda parece até o início meu com o Love ♥, que só é um pouquinho mais velha rsrs, 
 estou falando é da minha história de amor com  o Beleza Natural e seus produtos.

  Quando  criança eu usava tranças naturais, estilo Djavan, eu amava porque era só molhar e sair, não precisava pentear.Uma vez minha mãe tentou alisantes  a preço de  custo e pelo que me lembre os primeiros alisantes a nos serem apresentados, eram aquelas pastas com um cheiro insuportável, que ficava uma semana ou mais no cabelo, mas toda vez que eu usava este tipo de produto, meu cabelo quebrava todinho e novamente retornava as tranças ( que fazia o meu cabelo crescer e eram naturais, nada desses" miojinhos" de hoje em dia).

Me lembro que por volta dos meus 12 e 13 anos eu usei o bendito do permanente, mas como eu fazia em casa, lá ia de novo o cabelo ser danificado, afinal eu também não sabia cuidar do meu cabelo e não sabia escolher o produto adequado para os meus fios.



Para conhecer um pouco mais desse ícone da música brasileira Clique aqui, no site você verá outras fotinhas deste cantor maravilhoso.



Te Devoro

Teus sinais
Me confundem da cabeça aos pés
Mas por dentro eu te devoro
Teu olhar
Não me diz exato
Que tu és
Mesmo assim eu te devoro
Te devoraria a qualquer preço
Porque te ignoro ou te conheço
Quando chove ou quando faz frio
Noutro plano
Te devoraria a tal Caetano
A Leonardo di Caprio
É um milagre
Tudo o que deus criou
Pensando em você
Fez a Via-Láctea
Fez os dinossauros
Sem pensar em nada
Fez a minha vida
E te deu
Sem contar os dias
Q me faz morrer sem saber em ti
Jogado á solidão
Mas se quer saber
Se eu quero outra vida
Não, não
Eu quero mesmo é viver
Pra esperar, esperar
Devorar você...

Continua...


                  ♥ Beijos, Beijinhos e Beijões ♥

Nenhum comentário:

Postar um comentário